Apartamentos de Férias Baratos em Paris

Quem acompanha o blog sabe que eu sempre elogio e faço a maior propaganda das vantagens dos apartamentos de férias. Então, tenho recebido várias mensagens dizendo: “mas porque você não escreve um post sobre os aparthotéis e apartamentos de férias” ? Queremos sugestões !! Pois é, reivindicações mais do que legítimas 🙂 Então, aqui ficam as minhas sugestões de apartamentos de férias baratos em Paris. Espero que gostem 😉

Apartamento em Paris - Autor: Groume - Flickr

Bom, antes de apresentar as ditas sugestões, gostaria de explicar que a noção de preço barato em relação aos apartamentos é muito relativa. Na verdade, não se pode comparar cegamente as tarifas por noite de um hotel e de um apartamento para dizer que é mais barato ficar num ou noutro. Tudo é uma questão de escolha e de contexto. Para os casais que pretendem vir a Paris para ficar batendo perna o dia inteiro, saboreando os quitutes da gastronomia francesa, explorando os melhores restaurantes, museus e espetáculos da região e que só vão voltar ao hotel à noite querendo um chuveiro quente e uma cama macia, a melhor opção é reservar um hotel. No entanto, para as famílias com crianças ou os casais que já conhecem Paris e que pretendem curtir uma experiência mais autêntica, mais próxima da vida cotidiana dos Parisienses, um aparthotel ou um apartamento de férias podem ser uma ótima opção.

Em relação ao preço, deixo aqui mais uma pequena precisão: as tarifas por noite num aparthotel são muitas vezes superiores às tarifas dos hotéis. No entanto, (e é aqui que o contexto é importante!) não podemos esquecer que na maior parte das vezes um quarto de hotel acomoda no máximo 2 adultos e uma criança. A cama extra ou um quarto familiar fará aumentar (e muito!) o preço da diária. Quanto aos apartamentos ou studios, eles podem acomodar entre 3 e 4 pessoas tranquilamente. Um outro quesito importante a ser tido em conta é a diferença do orçamento gasto com a alimentação. Enquanto num hotel você terá que frequentar restaurantes todos os dias (ou então comer sanduíche :-)), num apartamento você pode curtir boas refeições como se estivesse em casa. Comprar um pão quentinho na padaria, um croissant com suco de laranja de manhã ou curtir pratos típicos deliciosos que a gente pode comprar prontos ou congelados em Paris (na Picard por exemplo ou em qualquer “traiteur”). E para quem tem crianças pequenas, ter uma geladeirinha para guardar o leite, os iogurtes, os potinhos de sopa ou de papinha, tem seu valor 😉

Petit Déjeuner - Autor: Mike_fleming

E depois desse blá-bá-bá todo, onde estão as sugestões ? Aqui !! 🙂

Helzear Rive Gauche Apartments40, rue Liancourt – 75014 Paris (Bairro de Montparnasse)

Esses apartamentos ficam situados  no famoso bairro de Montparnasse, zona sul de Paris. A Torre Montparnasse fica somente a 10 minutinhos a pé e o Jardim do Luxembourg a cerca de 1,5 km. As estações de metrô mais próximas (Gaîté e Denfert-Rochereau) ficam a 500 metros (cerca de 8 minutos a pé) e o RER (trem) que permite de aceder aos aeroportos de Orly e Charles de Gaulle  também fica bem pertinho.

Helzear Rive Gauche Apartments

Os apartamentos são confortáveis e decorados com bom gosto. Todos têm cozinha equipada, banheiro privativo e televisão.

Helzear Rive Gauche Apartments

Os hóspedes também podem aceder a um terraço para descansar, conversar ou tomar um aperitivo.

Helzear Rive Gauche Apartments

As tarifas também são bem interessantes. O apartamento de 30 m2 com vista para o jardim, que pode acolher até 3 adultos e uma criança fica em torno de 179€. E o wi-fi é gratuito.

Villa Montmartre:

Os studios do Villa Montmartre ficam super bem localizados, no centrinho do bairro histórico de Montmartre, pertinho da Basílica do Sacré Coeur. A estação de metrô mais próxima fica a somente 250m (Chateau Rouge).

Montmartre

Todos os apartamentos têm um banheiro privativo e uma cozinha equipada.

Villa Montmartre

Além de confortáveis e modernos, a localização desses apartamentos é realmente ótima. Você poderá curtir tranquilamente todo o charme de um dos bairros mais típicos e animados de Paris: bares, restaurantes, padarias, sem contar os artistas, cantores e pintores que fazem parte integrante da vida nas ruas de Montmartre.

Villa Montmartre

O studio de cerca de 38m2 pode acomodar até 4 adultos (1 cama de casal + 1 sofá cama). A diária fica em torno de 190€ (um ótimo preço para 4 pessoas).

Adagio Aparthotel Paris XV:

Esses apartamentos são um pouco mais caros do que os outros, mas em compensação, eles ficam a somente 15 minutinhos a pé da “Rainha” da Cidade Luz 🙂

Adagio Paris Tour Eiffel

Eles são climatizados, decorados com requinte e alguns têm uma vista linda sobre a Torre. Eu acho que o preço vale bem a localização. O studio para 2 pessoas custa cerca de 190€ e o apartamento com sala e quarto (40m2) para 4 pessoas fica em torno de 300€ por noite.

Adagio Paris Tour Eiffel

Mais legal ainda, para as grandes famílias, eles têm apartamentos com 2 quartos. Sabendo que não é fácil achar acomodação de qualidade para famílias “numerosas”, essa pode ser uma ótima opção. Eles têm cerca de 50 m2 e podem acomodar até 6 adultos. A caminha para um bebê de menos de 2 anos é gratuita (mas só pode colocar uma por apartamento).

Adagio Paris Tour Eiffel

Pequeno extra agradável no final de um dia de passeio: o aparthotel tem um centro de esportes e uma piscina aquecida. Utilização gratuita incluída no preço das apartamentos 😉

Citadines Didot Montparnasse:

Pessoalmente, eu achei esse aparthotel um charme. Ele fica situado numa rua residencial do movimentado bairro de Montparnasse.

Apart'hôtel Citadines Didot Montparnasse

A decoração é moderna e agradável, inspirando calma e descontração. Gostei bastante da preocupação com os detalhes, afinal todo o interesse de ficar num apartamento é ter um pouco a impressão de “estar em casa”.

Apart'hôtel Citadines Didot Montparnasse

As cozinhas são bonitinhas e super bem equipadas. Elas têm até máquina de lavar louça 🙂

Apart'hôtel Citadines Didot Montparnasse

Os studios para 2 pessoas (20 m2) rondam os 180€, enquanto os apartamentos maiores para 4 pessoas (30 m2) ficam em torno de 230€ por noite. O wi-fi é gratuito 🙂

Résidence Alma Marceau:   

Tudo bem… esses apartamentos não entram bem no conceito de “baratos”. Mas eu tenho que incluí-los no post porque eles são L-I-N-D-O-S :-))  Vale muito a pena !! Tudo bem, quem não pode, não tem jeito (tem que olhar e babar 🙂 ). Mas eu deixo a dica pra quem tem mais uma folguinha, pra quem procura apartamentos de uma gama mais elevada e para quem vem em lua de mel ou de férias querendo curtir Paris em grande estilo. Digo sem medo, quem puder, não hesite !! É satisfação garantida e vida parisiense com tudo o que tem direito 🙂

Résidence Alma Marceau

Esses apartamentos transbordam de charme, de elegância e de requinte. Eles ficam a somente 5 minutinhos a pé do Champs Elysées e do Arco do triunfo (mais Parisiense impossível 🙂 ) Eles pertencem à categoria de apartamentos 4 estrelas.

Résidence Alma Marceau

Todos os apartamentos são climatizados e equipados com uma televisão grande écran, um leitor DVD, leitor CD, wi-fi gratuito e estação iPod.

Résidence Alma Marceau

As cozinhas são equipadas com cafeteira, máquina de lavar louça, máquina de lavar roupa e secadora. Sem contar a geladeira, microondas, etc…

Résidence Alma Marceau

Os apartamentos de 1 quarto podem acolher até 3 adultos ou 2 adultos e 2 crianças. Eles tem 65 m2, quarto, sala, cozinha equipada e varanda. A tarifa ronda os 450€ por noite. Para as grandes famílias, existem apartamentos com 3 quartos e até um mega duplex (chiquééééérrimo por sinal !!) com 5 quartos! 200 m2 de puro luxo … Nada melhor para ser parisiense por uma semana 🙂

Bom, espero que tenham gostado…

Quem quiser reservar ou obter mais informações sobre esses apartamentos ou aparthotéis, basta clicar sobre os links que eu coloquei nos nomes respectivos.

À bientôt 😉

 

À propos de Luciana Ferreira

Cheguei na França em 2006, meio por acaso, graças a um intercâmbio da faculdade. Me apaixonei por esse país moderno, acolhedor e cheio de charme. Acabei gostando e ficando, ficando, ficando... Consciente de que nem sempre é facil achar informações credíveis sobre os lugares quando estamos longe, pretendo contar prá vocês as pequenas (e as grandes) coisas do quotidiano, das tradições e do turismo na França que me fascinam. Talvez mesmo, desfazer alguns mal-entendidos e acabar com os clichês. Aqui, a cultura, a história, a gastronomia, o savoir vivre são apenas algumas das tantas coisas que nos seduzem e encantam. Jurista de formação, apaixonada pela escrita, estou criando este espaço para partilhar com todos os interessados, esse encantamento pela cultura e pela vida francesas.
Ce contenu a été publié dans Dicas, Onde Dormir, avec comme mot(s)-clé(s) , , , , , , . Vous pouvez le mettre en favoris avec ce permalien.

43 réponses à Apartamentos de Férias Baratos em Paris

  1. Lucas Lopes dit :

    Luciana,

    Tudo bom?

    É o seguinte, gostei de tudo que vi, mas não se encaixa comigo. Quero saber se pode me ajudar. Estou planejando ir a frança, para ficar 2 meses, com exatos 70 dias. Farei um curso em Janville sur Juine, no entanto, não me importo o trajeto.

    Hotel para ficar 2 meses, é algo muito complicado, queria achar apto para 1 pessoa.

    Você tem alguma indicação?

  2. Erika dit :

    Oi querida, estou conhecendo seu blog hoje. Cheguei até aqui graças as buscas no google.
    Queria uma sugestão, se puder, claro.
    Eu e mais um grupo de amigos estamos querendo fazer nossa primeira viagem internacional e o destino será Paris.
    Gostaria de saber se é interessante essa ideia de alugar um apart hotel pra uma turma, e se vc acha que compensa comprarmos o nosso pacote numa empresa de turismo ou se comprar separadamente passagem+ hospedagem.
    E sobre os passeios, são muito caros?

    • Santana dit :

      Boa tarde, eu fiquei uma semana ano passado em Paris com a família. Se ninguém souber falar francês, o jeito é resolver tudo com uma agência mesmo. Eu falo um pouco e com umas dicas bacanas em sites como o Conexão Paris organizei a viagem por conta própria. E valeu muito a pena. Fizemos um dia um tour (aos Castelos do Vale do Loire) com uma empresa de turismo local e foi super corrido, nem deu para curtir aqueles lindos castelos como gostaríamos.
      Não fomos para hotel, decidimos alugar um apartamento. E definitivamente foi a melhor opção. O apartamento era muito bem localizado, pertinho do Louvre, hotéis em Paris por aquele preço seriam afastados. Sem falar que o apartamento era super bem equipado e tomávamos café em um café ao lado do prédio. Recomendo

  3. Catia Castro dit :

    Ola 🙂
    Vou a Paris 2 dias! De 7Fev para 8Fev!
    Fiz reserva no hotel Hôtel Boissière , qual a sua opinião?
    Gostava também de sugestões de restaurantes baratinhos e de preferencia que falem português lol não percebo muito de francês!
    Obrigada

    • Oi Catia, tudo bom ?
      Desculpa, não sei o que aconteceu com a sua mensagem, te mandei a lista dos restaurantes, mas esqueci de te responder sobre o hotel 🙂
      Eu não conhecia esse hotel, mas ele parece ser legal. Os quartos são simples, mas o estabelecimento parece limpo e recente.
      No entanto, ele fica em Levallois-Perret, um bairro fora de Paris mas perto do metrô que permite de chegar facilmente no centro da cidade.
      Espero ter ajudado.
      Um abraço

  4. Sofia São Payo dit :

    Olá Luciana!

    Depois de ler quase todos os comentários e pots sobre Hoteis/Apartamentos em França. Não encontrei nada que fosse o que pretendo. Talvez esteja a querer uma coisa que não existe.

    Vou a Paris com o meu namorado de 5 de Novembro a 8 de Novembro e por 3 noites nao queremos gastar mais do que 250 euros no total. Queria algo acolhedor mas simples. Pode dar-me alguns conselhos?
    Beijinhos

    • Ola Sofia,
      Peço desculpas por so estar respondendo agora, mas esse mês estava complicado de dar atenção ao blog 🙂
      Bom, pode ser que a informação ainda ajude…
      Então, hotel barato e acolhedor, normalmente é mais fácil de encontrar fora do centro. Eu encontrei o Best Western de La Défense que esta com bom preço para essa época. Eu gosto dessa rede de hotéis. Eles são confortáveis e o preço é interessante.
      Uma outra opção interessante é o Ibis Budget Porte de Montmartre. Ele é bem barato, mas mais simples do que o Best Western.
      No entanto, os quartos costumam ser limpos e as camas bem confortáveis.
      Precisando de mais alguma coisa, é so falar.
      Um abraço e boa viagem para vocês !

  5. marci dit :

    Oi, Luciana, tudo bem? Muito legal seu blog, assisti o vídeo só não consegui colocar meu e-mail para receber o presentinho 🙁 minha filha precisar ficar em Paris nos próximos dois meses e só tá encontrando studio no valor de 800 euros/mês perto do centro de Paris….é isso mesmo… tem sugestão….obrigada

    • Oi Marci, tudo bom ?
      Olha, alugar apartamento em Paris custa caro mesmo…
      A única dica é tentar se afastar um pouco do centro, fora de Paris é mais barato e mais facil de encontrar. Tente no departamento Hauts de Seine ou Yvelines. Eles têm cidades bonitinhas e bem servidas pelos transportes.
      Quanto ao guia de restaurantes, vou mandar pro seu e-mail.
      Um abraço,

  6. Kathia dit :

    Oi Luciana.
    Tudo bem?
    Você poderia nos ajudar sobre morar em Paris? Estamos planejando para o ano de 2016.
    Nosso objetivo é fazer uma complementação do doutorado na Sourbonne.
    Aguardamos retorno.
    Kathia

    • Oi Kathia, como vai ?
      Legal que vocês venham fazer complementação de doutorado na Sorbonne. Eu também me inscrevi esse ano na Sorbonne no 1° ano de Mestrado, mas eu vou fazer à distância…
      Quanto à ajudar vocês, eu posso dar algumas dicas, se vocês precisarem. Mas para isso, preciso saber quais são as duvidas que vocês têm 🙂
      Me dê noticias e a gente vai se falando…
      Um abraço,

  7. Mariana dit :

    Olá Luciana!
    Reservei o Parisian Home – Appartements Montorgueil Apartment para mim, marido e filha, em Different locations in Paris, 2º arr., 75002. Fiquei surpresa por ter que pegar a chave em outro local, por não saber exatamente onde vou ficar e pelo fato de não ter recepção. Isso funciona bem? O local é bom? Alguma dica? Ainda, gostaria muito de lhe pedir ajuda de comemoração no ano novo sem muvuca, já que estarei com uma criança pequena. Também pensei em comemorar em local próximo, pois li muitas notas negativas sobre transporte nesse dia. Pode me ajudar? Beijo

    • Ola Mariana, tudo bom ?
      Olha, acho que não tem problema não.
      Pelo que eu ouço dizer, o Parisian Home Apartements Montorgueil é ótimo. A localização então, nem se fala. Mais central e num bairro melhor que esse impossível 🙂
      Quanto ao fato de pegar a chave em outro local, deve ser porque os apartamentos são administrados por uma agência que não se situa no mesmo local.
      Em relação ao Ano Novo, no seu lugar, eu escolheria um bom restaurante perto do seu apartamento e reservaria para a passagem do ano. Pode não ser super original, mas vocês iam se deliciar com a cozinha francesa, sem problema de transportes para voltar no final da noite e sem passar frio (o que convenhamos que com uma criança pequena não é fácil!) 🙂
      Espero ter ajudado.
      Um abraço,

  8. eliana jardim dit :

    Oi menina
    Que bom te encontrar.Sou uma professora de 62 anos e estou indo junto com marido e filha para a Europa pela primeira vez.A tua ajuda tem sido valiosa.Gostaria de ficar num apart hotel da Adagio ou Citadines.Fico em duvida porem da localização pois minhas prioridades são acesso ao onibus de turismo e um bom super mercado ( monoprix).
    Podes me ajudar na escolha do apart hotel? Agradeço muito muito ……….

    • Ola Eliana, como vai ?
      Ja começo pedindo desculpas pela demora para te responder, mas os meus dias andam meio curtos para tanta coisa que eu tenho que fazer 🙂
      Bom, então, quanto aos aparthotéis que você me perguntou, tanto o Adagio quanto o Citadines são bem legais. Vou te sugerir uma opção de cada rede, com uma ótima localização. Ai depois, você vê qual você prefere…
      Citadines Saint-Germain-dePrès: Esse aparthotel é excelente. A localizaçao é otima, bem perto da Cathedral Notre Dame, do Louvre e do Boulevard Saint Michel. Por ali você vai encontrar varias lojas tipicas, restaurantes tradicionais e varios mercadinhos cheios de charme. Para mim, ele é otimo !
      Adagio Paris Haussmann: Os apartamentos do Adagio também são bem legais. Mas eles são menos requintados do que os do Citadines. A vantagem é que preço também é mais baixo… Nesse caso, eu escolhi o Adagio Haussmann porque ele fica bem no centro também. Perto das Galeries Lafayette, do Arco do Triunfo e dos Champs Elysées.
      Bom, é isso… espero ter ajudado.
      Se você quiser reservar pelo blog, é so clicar nos links acima ou então fazer uma pesquisa pelo nosso motor de buscas.
      Precisando de mais alguma coisa é so falar…
      Um abraço

  9. Gabriela dit :

    Olá Luciana,

    Preciso de uma dica.
    Depois de pesquisar bastante e achar tudo caro para uma período de 08 dias para uma família com 04 pessoas, encontrei o Paris Attitude e achei bem interessante. Aptos com mais conforto e menos aperto que os hotéis, praticamente os mesmo valores.
    Minha dúvida é, esta empresa é confiável?

  10. Andréa de Azevedo Freitas dit :

    Olá Luciana, comecei a acompanhar suas postagens agora e já estou gostando. Gostaria de relatar minha experiência em duas situações diferentes em Paris: A primeira em apartamento alugado, pelo site airbnb.com e a segunda em quarto alugado em apartamento de idosos. A primeira situação foi em 2013, já tinha viajado a Portugal e alugado apartamentos pelo site e fiquei fã. Aluguei um quarto e sala no 11eme e me senti super à vontade, fiz minhas compras de supermercado no Franprix e me senti realmente em casa. Na segunda situação não foi tão bom, os meus “anfitriões” eram pessoas sistemáticas, me senti um pássaro na gaiola. Recomendo a modalidade de aluguel de apartamento, que me parece mais barata e cômoda em todos os sentidos.

    • Olá Andréa, tudo bom?
      Obrigada por partilhar suas experiências conosco. Realmente, eu também acho uma boa alugar um apartamento. Aliás, eu sempre escrevo isso…
      Quanto a alugar um quarto na casa de alguém, sempre é mais problemático. Você tem que se adaptar às “regras da casa”. Se a pessoa tem o mesmo jeito que você, pode ser ótimo conviver com alguém que mora na cidade e que conhece tudo. Mas se as pessoas são muito diferentes de você, realmente, pode ser complicado…
      Um abraço e até breve,

  11. Jonathan dit :

    Olá Luciana,estou amando seu blog,as dicas são valiosas,estou anotando várias pois dia 01/11 chego em Paris pela primeira vez e com muitas expectativas,aluguei um apartamento que fica na região de Clichy,você sabe me dizer se essa região fica na zona 2? vou comprar o Navigo para o mês e quero ja comprar no aeroporto quando chegar,e estou em duvida se realmente é zona 2 ou 3,isso ainda me confunde…desde ja agradeço e desejo muito e muito sucesso a você.

    • Olá Jonathan, como vai?
      Olha, Clichy fica entre a zona 1 e 2, depende de onde fica o apartamento que você alugou:
      METRO : Ligne 13
      Stations : Mairie de Clichy (zone 2) ou Porte de Clichy (zone 1).
      RER C
      Stations : Saint-Ouen (zone 2) ou Porte de Clichy (zone 1).
      TRANSILIEN SNCF Ligne L
      Gare : Clichy-Levallois (zone 2)
      Um abraço,

      • Jonathan dit :

        Ola Luciana,muito obrigado pelo retorno,me ajudou bastante,o apartamento é próximo a estação mairie de clichy,da uns 10 minutos caminhando até o apartamento.Agradeço de coração suas informações,vou comprar o navigo mês zona 1 e 2. Tenho uma outra dúvida que pode ser boba mas como sabemos se passamos a zona do bilhete?tem alguma informação que limita zona 1,zona 2 e tal?boa noite pra vc e muitoo sucesso.

        • Olá Jonathan!
          De nada, fico feliz que as informações estejam te ajudando.
          Olha, as zonas são delimitadas em todas as cartas de metrô e normalmente as pessoas sabem o perímetro de cada zona.
          Para quem não sabe e se engana de zona é meio chato porque quando você vai passar a roleta de saída do metrô com o seu bilhete (errado) ela não vai abrir e você vai ficar lá sem poder passar e ainda com todo mundo te olhando 🙁 Tem gente que pula a roleta, mas isso pega super mal…
          O melhor mesmo é comprar os bilhetes direitinho e respeitar as zonas 😉
          Um abraço…

  12. Nice dit :

    Ola Lu,
    Primeiramente gostaria de agradecer-lhe por todas as respostas anteriores, muito obrigada por toda a ajuda que tem dado-me.
    Eu optei por ficar em um apartamento, fiquei meio receosa no começo, confesso que a ficção do filme Busca Implácavel, intimidou-me um pouco kkkk

    Mas optei em ficar na rue Scipion, acho que oBairro Quartier Latin /Mouffetard, queria saber sua opnião, se o bairro é tranquilo, “seguro” rsrsrs
    Achei muito legal a dica sobre ficar em apartamento.

    Muito obrigada desde já
    Mega beijo 🙂

  13. Tiago Padilha dit :

    Olá, Luciana! Eu comecei a estudar francês há pouco tempo e por isso tenho buscado diversas fontes para saber mais sobre hábitos franceses, cultura e música principalmente. Eu morava em Portugal então tive oportunidade de conhecer um pouco da França, mas nunca falando francês e com certeza sem o mesmo olhar de agora. Sobre filmes eu já conheço bastante, estudo cinema e faz parte da nossa grade a cinematografia européia, mas sobre música eu não sei realmente nada. Conheço os cantores mais famosos, mais antigos e tradicionais como Edith e Jacques, mas gostaria de saber um pouco mais sobre o cenário atual. Amo música pop, dessas que dançamos em boates e amo rock também, no estilo Oasis que é minha banda favorita. Gostaria muito de ver um post falando sobre os músicos famosos e atuais. Estou adorando seu site, você escreve muito bem e com muita simplicidade. Suas palavras fazem com que eu tenha ainda mais vontade de voltar a Paris. Sobre o post, se não for possível fazer um sobre isto (eu tentei entrar num post seu dos hits franceses do momento e não consegui, não sei o que houve, pode ser o meu pc), já me ajudaria muito uma resposta sua com dicas de músicas nesse estilo). Agradeço desde já e te desejo muita felicidade e sucesso, tanto no blog quanto na vida. Abraço grande, Tiago.

    • Oi Thiago, tudo bom?
      Pois é, o cinema francês é bem rico mesmo… aliás, estou pensando escrever um filme sobre filmes franceses que eu gosto…
      Quanto à música, eu escrevi esse post que você não conseguiu entrar (“Os hits Franceses do momento“) e estou escrevendo um outro agora sobre os sucessos do verão.
      Fica de olho que em breve os nossos artigos vão sair do forno 🙂
      Um abraço e até breve…

  14. Francielle dit :

    Oi Luciana ! Olha eu aqui…rsrsr
    Primeiro, desculpe-me se esse comentário deveria estar em outro tópico….mas, coloquei aqui mesmo com medo de você não ver em post mais antigo.

    Estarei na Europa em Setembro/Outubro via pacote CVC e após o término do pacote irei até Chambery encontrar uma amiga. Minha dúvida é: qual a melhor maneira de fazer o trajeto Frankfurt / Chambery ? Carro, Trem, Avião ? Não estou levando em conta só o tempo mas também o preço e o que se pode conhecer (de trem e carro há a vantagem das paisagens).
    O trecho de trem (pesquisei via google) está na casa dos 120 euros (p. pessoa). É isso mesmo ?

    Agradeço antecipadamente a quem puder dar uma “luz” …. rsrsr

    Abraços

    • Oi Francielle, tudo bom?
      Olha, para ir de Frankfurt até Chambéry, eu acho que a melhor opção é o trem… Eu achei um bilhete que passa por Lyon (Frankfurt-Lyon-Chambéry) que custa 57,40€ (a ida). As opções de viagem que passam por Paris me parecem mais complicadas porque você vai ter que mudar de estação entre dois trajetos…
      O carro acho que não é uma boa opção… a distância é muito grande e você ía perder bastante tempo… a não ser que você queira vir conhecendo tudo pelo caminho…
      Espero que a minha “luz” tenha ajudado 🙂
      Um abraço…

  15. Carlos Alberto dit :

    Luciana,
    Estou passando aqui só para elogiar seu blog, conheci hoje e já estou amando.
    Ficarei em Paris de 05 a 12 de agosto de 2014 e já encontrei quase tudo que precisava lendo seus posts.
    Um grande abraço e parabéns!

  16. Danielle dit :

    Oi Luciana tudo bem?
    Antes de tudo quero agradecer por todas as dicas do seu blog, estou amando seu blog e ja curti sua pag do face, estou fuçando em tudinho porque em novembro vou passar apenas 3 em Paris, é uma pena que são poucos dias mas quero aproveitar ao máximo essa pequena viagem. estou com umas duvidas e queria um pouquinho da sua ajuda rs
    Como a maioria das pessoas que vão a Paris, quero ficar em um Hotel próximo a torre e se possível com vista para a Torre, vi alguns Hotéis e minha agende de viagens indicou o Adagio que você comentou nessa pag.
    Olhei no TripAdvisor e Booking e algumas pessoas falaram sobre a rua do Hotel que é estranha e pouco movimentada principalmente a noite, que nao é uma rua mto legal para se andar a pé, o que voce acha dessa rua? Vasle a pensa ficar nesse apart-hotel?
    Outra duvida, se voce fosse ficar apenas 2 dias inteirinhos em Paris (como turista) quais lugares voce iria conhecer e jantar?
    Desculpa pelas mil perguntas e pelo texto enorme rs
    Beijosssss

    • Oi Danielle, tudo bom?
      Pôxa, que bom que o blog esta sendo útil nas suas pesquisas sobre Paris 🙂
      Olha, eu não acho que essa rua seja estranha… é um bairro residencial, com bons transportes e com acesso fácil à Torre e aos outros monumentos de Paris… Quanto ao fato de ser pouco movimentada, é normal. é um bairro residencial, não tem muito movimento à noite mesmo… Mas não é um lugar com reputação de ser perigoso…
      Em dois dias, eu visitaria o basico mesmo: Torre Eiffel, Arco do Triunfo, Catedral de Notre-Dame, o Sacré Coeur e passaria na frente do Louvre (que so o exterior ja vale a pena 🙂 ), sem esquecer uma voltinha no Jardim des Tuileries que fica bem em frente do Louvre. Se você fôr andando até ao fim do Jardim, você vai ter uma vista linda para a Torre Eiffel…
      Onde jantar? Dificil… Depende de quanto você quer gastar 🙂 Se não quiser gastar muito, uma boa brasserie tradicional pode ser legal. Se puder gastar mais um pouco, eu recomendaria o restaurante Thoumieux, do chef Jean-François Piège. Luxo puro 😉
      Um abraço e boa viagem…
      Depois me conta como foi 🙂

  17. Beatriz dit :

    Boa noite Luciana!

    Parabéns pelo teu blog, é super bacana. Pesquisei alguns hotéis que tu mencionaste e gostaria de tua opinião sobre qual seria o mais indicado para mim. Farei duas semanas de inglês em Londres e quero ir para Paris numa sexta no início da tarde e voltar a Londres sábado à noite. Vou no final de Novembro e queria um hotel que não fosse muito caro, porém que fosse charmoso. Gostei das seguintes opções que aparecem no teu blog: Boronali, Hotel Des Batignolles, Hotel du Square d’Anvers, Hotel du Prince Eugène e Hotel du Lion. Qual a melhor opção para quem quer passear muito e não tem muito tempo?

    Muito obrigada e um abraço,
    Beatriz

    • Oi Beatriz 🙂
      Olha, desses que você falou, os meus preferidos são o Boronali e o Hotel du Prince Eugène. Os leitores que têm ficado no Boronali têm gostado muito. So tenho tido elogios 🙂 Quanto ao Hotel du Prince Eugène, eu acho ele um charme! Certamente uma boa opçao. Além disso, ele fica bem localizado, juntinho à place de la Nation. O metrô também não é longe, o que permite de aceder facilmente aos principais monumentos da cidade… O Hotel du Square d’Anvers também é uma boa opção, mas ele é mais simples do que os outros. No entanto, a localização é ótima …
      Um abraço e aproveite bastante…

      • Beatriz dit :

        Oi Luciana!

        Muito obrigada pelo teu retorno!
        Só mais uma dúvida: um colega meu ficou no Hotel Tim, perto da Torre Eiffel. Tu conheces esse hotel? Sabes se ele é bom?

        Muito obrigada e um abraço!
        Beatriz

        • Oi Beatriz,
          Olha, o Timhotel também pode ser uma boa opção. Os quartos são confortáveis e a localização é boa.
          Para reservar, você pode clicar no link acima. Se você quiser comparar vários, pode fazer uma pesquisa no nosso motor de buscas que eu já reativei (na página de entrada do blog)…
          Um abraço e até breve…

  18. Sueli Mendes dit :

    Boa noite, Luciana
    Vamos passar quatro dias em Paris, em quatro adultos, quantos euros em média você recomenda levar?
    Parabéns pelo blog, está sendo muito útil.
    Obrigada!

    • Oi Sueli… Olha, acho que você deve gastar em média uns 100€ por pessoa por dia (contando alimentação, transporte e entrada em monumentos). Mas claro, é uma média! Se você for em restaurantes caros ou sair à noite em bares, cabarés ou discotecas, o orçamento não é mais o mesmo…
      Um abraço e boa viagem,

  19. Talita dit :

    Olá Luciana, tudo bem? Amei o seu blog, estou indo pra Paris semana que vem em lua de mel e ainda não tenho hotel…rs…me ajuda. Queria um por no máximo 350 reais a diária e bem localizado, nada tão distante. Encontrei alguns, mas não tem as nossas datas. Voce poderia me ajduar? É super urgente…chego 17/06 e volta 25/06…por favorr

    • Nossa Talita, tá meio em cima pra reservar hein !! 🙂
      Bom, encontrei dois hotéis que eu gosto bastante que ainda têm quartos disponíveis, mas os preços são superiores ao que você referiu. O problema é que em Paris quanto mais você demora pra reservar, mais caro fica.
      Então, tem o Boronali que é um hotel cheio de charme que fica bem perto da Basílica do Sacré Coeur. E o Saint-Paul Rive-Gauche que eu até escrevi um post sobre ele.
      Vou dar uma de metida, mas se você ainda está procurando, acho que é melhor você reservar logo, mesmo se o preço está um pouco acima do que você pretendia. Na verdade, os dois hotéis que eu achei só têm um quarto disponível para essas datas…
      Se precisar de mais alguma coisa me fala.
      Um forte abraço, boa sorte e uma ótima lua de mel pra você 😉

  20. Yrlla Ribeiro dit :

    Olá Luciana,
    Conheci hoje seu blog e ops justo o que estou procurando, ontem mesmo estava pesquisando apart pela rede citadines. Na minha última viagem a Paris aluguei um apartamento pela Paris Attitude, nada a reclamar, atendimento correto, preço incomparável (fomos em 4), mas a falta de limpeza me incomodou um pouco, ficamos 10 dias e dava uma varridinha às vezes… Você saberia dizer se na rede citadines ou em outra que você sugere há limpeza diária? Obrigada, agora vou me deliciar com seu blog!!!!!!

    • Oi Yrila, tudo bem?
      Olha, na verdade, tanto o Adagio quanto o Citadines são aparthotéis. Os serviços não são exatamente os mesmos que num hotel. A limpeza está incluída no preço, mas a frequência varia segundo o tempo da estadia.
      No Adagio,se você ficar de 1 a 3 noites, a limpeza cotidiana está incluída. De 4 a 7 noites, esse serviço existe mas você tem que pagar à parte. Estadias de mais de 8 noites, a limpeza é semanal. Outro detalhe, eles não limpam a cozinha nem lavam a louça. No Citadines, é uma limpeza semanal que está incluída no preço. No entanto, voce pode pedir uma limpeza diária, mas vai ter que pagar a diferença.
      Eu sei que no Brasil as coisas são diferentes, mas aqui na França pagar alguém para fazer a limpeza custa muito caro, então esse serviço costuma ser reduzido. E as pessoas estão acostumadas a fazer a própria limpeza antes de ir embora. Aliás, se você alugar um apartamento de férias, normalmente quando você chega a casa está limpa e você deve deixá-la no mesmo estado quando sair, senão tem que pagar uma taxa que cubra o custo de alguém que venha fazer a limpeza no seu lugar (essa taxa custa normalmente entre 50€ e 75€ para uma estadia de 1 semana).
      Um abraço e até breve…

  21. Ana Ferreira dit :

    Amei todos, nao sei qual escolher; mas o Résidence Alma Marceau , é de babar no computador.
    Beijinhos

Laisser un commentaire

Votre adresse de messagerie ne sera pas publiée. Les champs obligatoires sont indiqués avec *

😉 😐 😡 😈 🙂 😯 🙁 🙄 😛 😳 😮 mrgreen.png 😆 💡 😀 👿 😥 😎 ➡ 😕 ❓ ❗